Rap, graffiti e discotecagem na segunda edição do Norte Side Festival

Programação exalta os elementos da cultura hip hop e promove trocas culturais e empreendedoras entre público e artistas independentes

Palco montado em balsa na Baía do Guajará onde os shows foram gravados em foto de Vitória Leona.

De 1º a 03 de abril, o Norte Side Festival traz para o palco da sua segunda edição os elementos da cultura hip hop e promove trocas culturais e empreendedoras entre público e artistas independentes em formato de live no seu canal no YouTube. A programação conta com discotecagem de DJs paraenses, shows de artistas locais, sessões de grafitagem e oficinas sobre moda, empreendedorismo e produção e captação de recursos.


Um dos gêneros mais consumidos no mundo e com uma crescente exponencial do estilo no cenário brasileiro em 2020, o Rap vem se configurando nas categorias de gêneros musicais mais ouvidos pelos usuários de plataformas de streaming como o Spotify, conforme levantamento realizado pelo DeltaFolha no ano passado. No Pará, é visível o quanto o cenário local de rap tem se destacado, especialmente a partir de batalhas, encontros e festivais como o Norte Side. Idealizado pelo rapper e produtor cultural, Pedro França - de nome artístico Drin Esc -, o Norte Side Festival teve sua primeira edição realizada em 2020, com atrações do cenário rap e um line up exclusivamente paraense, ganhando destaque nacionalmente nas mídias especializadas no gênero. Nesse sentido, o festival tem a proposta de ser um canal que mostra a música produzida no norte do Brasil, além de reverberar e potencializar a cultura hip hop na região, conforme ressalta Drin.


"Ele é um holofote para artistas novos e consolidados, mas principalmente para artistas independentes, o que contribui para a valorização do mercado musical local, tornando o evento uma plataforma de apoio ao artista. O diferencial do Norte Side é a sua independência, um evento que pensa no cuidado com o artista desde o início, principalmente em tempos de pandemia”, complementa.

Com o objetivo de oportunizar o compartilhamento de ideias daqueles que estão fazendo o seu “corre” para aqueles que querem começar ou expandir seus negócios, o primeiro dia de programação do evento oferece duas oficinas abertas ao público. A primeira delas traz a moda e o empreendedorismo como temática principal, tendo como convidado o Marco, que desde 2018 é responsável pela gerência da Grow, uma loja de roupas estilo street wear. Já a segunda oficina tem como tema a produção e captação de recursos, sendo comandada pelo produtor cultural e agente musical Jeft Dias da Psica Produções, que vai compartilhar sua visão sobre o atual mercado cultural de Belém e as formas de captação de recursos para realizar projetos musicais. As oficinas ocorrerão pela plataforma Google Meet e podem ser acessadas pelo celular no aplicativo da ferramenta ou pelo computador. Movimentando o cenário rap paraense, o segundo e terceiro dia de programação do evento traz a força da juventude periférica a frente de uma das mais ativas cenas nacionais com apresentações musicais de Kratos com participação especial de Selektah Nubeat, Erick Di, grupo de rap AJOYA, Drin Esc com participação especial de Michel Z e Nic Dias com participação especial de Yasmin Oss. A discotecagem fica por conta do veterano do movimento hip hop em Belém, o DJ Morcegão com sua setlist de black music. Com uma proposta no estilo Live Painting, o evento também conta com a participação de 4 artistas da cena do graffiti de Belém que pintaram 4 murais durante os shows de rap e de discotecagem. São eles: Patrick Santos, mais conhecido pela cidade por PTCK, que junto do seu personagem vem se destacando na cena do graffiti paraense; o artista visual Allen que conciliou duas artes: a caricatura e o graffiti; o grafiteiro Ru TsssRex, que vem intervindo no cenário urbano de Belém desde 2005 e, a partir de /2013, criou o personagem dinossauro "TsssRex", lançando novos olhares para a cidade; e o artista visual SANTO, que desde 2015 desenvolve processos criativos nas artes visuais com forte influência na arte urbana. O processo e resultado dessas intervenções será exibido durante as lives dos shows, nos dias 2 e 3 de abril no YouTube.


Tsss Rex E PTCK em registro de Vitória Leona.

As gravações foram realizadas em uma balsa na Baía do Guajará com toda a segurança recomendada pelas autoridades de saúde em virtude da pandemia da Covid-19. O Norte Side Festival é uma realização da Norte Side e Psica Produções com patrocínio da Lei Aldir Blanc, através da Secretaria de Cultura do Pará e Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo, por meio do edital de Festivais Integrados. PROGRAMAÇÃO NORTE SIDE FEST LIVE 1º de Abril - Oficinas 16h - Moda e Empreededorismo (Link aqui) 18h - Produção e Captação de Recursos (Link aqui) 02 de Abril - Live 18h - Kratos feat Selektah Nubeat + Erick Di + AJOYA. 03 de Abril - Live 18h - Drin Esc feat Michel Z + Dj Morcegão + Nic Dias feat Yasmim Oss. SERVIÇO

| O QUÊ: 2ª edição do Norte Side Festival | QUANDO: 1º a 03 de abril de 2021

| ONDE: Canal no Youtube do evento | MAIS EM: Perfil do evento no Instagram


Com informações da assessoria de imprensa. #Pará #Belém #música

#graffiti

#hiphop

#rap

#discotecagem

#festivalonline

#nortesidefestival

#LeiAldirBlancPará

2 visualizações